Pular para o conteúdo
Voltar

CGE finaliza mais 10 avaliações de controle interno

Ligiani Silveira | CGE-MT

Ligiani Silveira - CGE/MT
A | A

Como parte da vertente de atuação preventiva, a Controladoria Geral do Estado (CGE-MT) concluiu mais 10 avaliações de controle interno de gestão administrativa do Poder Executivo de Mato Grosso. Os trabalhos estão publicados no site da CGE, no menu Auditoria e Controle/Relatórios.

As análises são relativas à gestão de contratações, transferências, pessoas, orçamentária, contábil, financeira e patrimonial das seguintes instituições: Casa Militar, MT Par, Agem/VCR, Setas, Seaf, Sedec, Ceasa, SES, Detran e Sesp.

A avaliação de controle interno objetiva analisar a eficiência e o grau de segurança dos sistemas de controles internos existentes; verificar a aplicação das normas internas, da legislação vigente e das diretrizes traçadas pela administração; prevenir o cometimento de erros, desperdícios, abusos, práticas antieconômicas e fraudes; verificar o cumprimento das recomendações e determinações dos órgãos de controle externo e interno e apresentar sugestões de melhoria dos controles existentes.

Os trabalhso envolvem a aplicação de testes de aderência, checklist e questionários para análise das fragilidades e de suas causas, seguido da elaboração de recomendações para correção das causas dos problemas.

Com as avaliações, a CGE não só identifica situações que precisam de melhorias, mas também estimula e auxilia mais de perto gestores e técnicos dos órgãos na implementação de providências necessárias e monitora se as ações adotadas estão sendo satisfatórias.

“O trabalho busca também colher elementos para o mapeamento de riscos que indique as atividades ou processos que serão objetos do acompanhamento simultâneo da CGE, bem como indicar áreas em que será necessário promover ações preventivas, por meio orientações e capacitações voltadas aos gestores e servidores dos órgãos”, ressalta o secretário-adjunto de Controle Preventivo da CGE, José Alves Pereira Filho.

Além de serem encaminhadas aos órgãos estaduais para servir de instrumento de gestão, as avaliações são remetidas também ao Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT), conforme estabelece a Resolução Normativa TCE-MT n. 12/2017-TP.

De janeiro até setembro de 2018, a CGE executou 21 avaliações de controle. Até o fim do ano, a Controladoria vai finalizar 38 relatórios, conforme estabelecido em planejamento.

Os órgãos e as atividades avaliados são selecionados a partir da elaboração de matriz de significância, que conjuga critérios de relevância, materialidade, risco e oportunidade.